Telekinesis em Espada {Tess Atalla}

Ir em baixo

Telekinesis em Espada {Tess Atalla}

Mensagem por Tess' em Seg Out 13, 2014 7:52 pm

Telekinesis: The Art Of Manipulation

Esse post teve 1368, e foi feito para a aprendizagem de telekinesis de Sword Magic!


Fiore, o mundo da magia. Onde várias criaturas místicas residem a pró do sistema mágico do reino. Nele, uma pequena parte da população humana é dotada de magia. Assim, as pessoas desprovidos de poder obtêm uma relação com os magos através de missões e recompensas. Esse é o mundo onde vivo há décadas.
Há algumas décadas atrás, decidida em treinar ainda mais, parti em uma aventura, em  busca de um raríssimo tesouro. Assim comecei uma das jornadas mais marcantes em minha vida mágica: onde aprendi uma grande habilidade. Meu destino foi era uma ilha um pouco distante de onde eu vivia, a qual havia boatos sobre este tesouro guardando, como também de um grande mago que aterrorizava uma vizinhança. Nunca quis que ninguém sofresse como eu sofri, logo, encarei como uma necessidade acabar com aquela ameaça.
── Bem, é isso ai. Pronta... ── disse assim que sai de minha casa, apenas com meu conjunto de espadas em mãos. Ainda me lembro de como o céu estava acinzentado naquele dia.
Cheguei a um porto de barcos, pois precisaria deste artifício caso quisesse atravessar o lago para chegar à ilha. Lá, olhei em volta para me localizar no imenso horizonte, olhei para os barcos que lá estavam. Eles estavam vazios, não havia ninguém no porto. Penso que ninguém gostaria de se aventurar em um barco debaixo de uma tempestade, pois era isso que aquele tom cinza no céu dizia.
Apenas aproveitei a oportunidade e peguei um dos barcos.
Não superava a ideia de estar no meio do mar, sem nenhum ponto de referência. Mesmo devendo estar feliz já que na água havia apenas silêncio, e eu poderia te rum tempo para descansar de meus treinos diários.
Por sorte eu não possuía forte enjoo em transportes, até hoje não demonstrei sinais disso.
O tempo passou e eu vi a manhã se transformar em tarde, mas logo avistei a grande ilha à longe. Quando o barco recostou na areia da praia, peguei minhas espadas e logo me apressam saindo do mesmo, quase desesperadamente. Parei e certifiquei-me de ter reencostado o bastante para que a maré não o levasse.
Ao centro da ilha, se erguia uma grande árvore e envolto a ela, apenas uma densa floresta. Determinada adentrei a mesma, mesmo que um pouco perdida por causa da escuridão que as árvores faziam ao tapar a única luz que residia no local: o sol.  Após um tempo andando e sem encontrar nada, lembro-me de comentar:
── Não posso acreditar que estou perdida... Cheguei até aqui pra nada?
Logo dei um suspiro e comecei a remexer em uma das mexas rosadas de meu cabelo, agora escuro.
Andei mais um pouco até que pude avistar o fim de algumas árvores, onde um grande campo à luz dourada era visto. Olhei em volta rapidamente e corri em direção a luz, sendo que assim que cheguei, me surpreendi com o cenário: Um grande pedestal de pedra se erguia ao meio do campo e um objeto dourado brilhava em cima do mesmo, refletindo a luz do sol.
A beleza daquele cenário me enfeitiçou de tal forma que eu esqueci de tudo naquele momento, apenas me  aproximava do pedestal. Eu me lembro de me aproximar lentamente, eu deveria saber que provavelmente era uma armadilha pois algo tão valioso não seria conseguido tão facilmente, mas aquela beleza me tirou do chão.
Quando eu estava a poucos metros da estrutura de pedra, uma risada sarcástica foi ouvida ao fundo, seguida de uma voz feminina:
── Achara mesmo que ia ser tão fácil? Só uma pirralha mesmo para pensar dessa maneira.
Uma mulher voluptuosa e de cabelos longos e castanhos, presos em dois pares de longas tranças apareceu em frente ao pedestal. Seus olhos verdes indicavam algo como tédio e ansiedade ao mesmo tempo. Ela se colocara pouco a frente, entre mim e o pedestal. Então disse rapidamente:
── Olá queridinha... ── em seguida seus fios castanhos começaram a crescer rapidamente, ficando mais longos, começam a se movimentar, até que suas tranças vieram contra mim, me atacando como uma chibatada, fazendo-me recuar até perto da floresta. O cabelo da mulher novamente voltou a seu comprimento original.
Um ferimento havia ficado em meu braço, ele estava avermelhado e arranhado. Do que o cabelo era feito?
Rapidamente me ajoelhei devido ao ferimento. Respirei fundo e olhei de cima abaixo para a mulher.
Assim, me levantei novamente.
Nos olhamos nos olhos assentindo o início da luta, assim, parti para cima da maga de cabelos castanhos, retirando uma de minhas espadas: a katana. A desembainhando me posicionando para atacar.
── Lá vai!
Assim, me aproximei me colocando a frente da maga e lançando suas duas mãos a frente, assim, pretendia avançar na maga golpeando-a com minha katana, usando de um corte em diagonal para isso. Ultrapassei a maga, achando que tive sucesso. Fios de cabelo pairavam sobre o ar. Olhei para trás e tive um surpresa: a maga estava de pé, e seu cabelo estava voltando a seu comprimento. Seu cabelo agora pouco repicado havia se soltado de suas tranças, exibindo um comprimento até os pés da maga.
O cabelo da maga se regenerou, e logo após uma grande mecha do mesmo começava a se aproximar de mim em alta velocidade. Eu estava quase sem reação. O cabelo se enrolou em meu pulso, tendo força suficiente para levantar-me a uma pequena atura. Mesmo que me retorcendo, o cabelo era incomum e forte o suficiente para me prender. A maga então, parecia fazer um comando e após isso, o cabelo preso em meu pulso começou a se movimentar, fazendo com que eu girasse alguma vezes, logo após me atirando contra o chão com grande força.
Naquele momento eu exibia grandes machucados, e o cabelo da mulher voltara junto a si e após isso, ela gritou:
── É só isso que você tem?
Gemi de dor por um segundo, tentando me recuperar, mas então percebo que a terra remexer-se abaixo de mim e após isso algumas mexas de cabelo brotam do chão, tentando prender meus pés.  Em seguida, apenas dei um salto para trás desviando das mexas, sabendo que agora seria mais difícil de atacar.
Rapidamente, tentando fazer algo para atacar a maga, mesmo com as mexas no chão, tentei dar meia volta para me aproximar da mesma.
Corri com minha máxima velocidade e a converti em um grande salto. Dando mortais no ar, seguro em uma mão minha Katana e na outra minha Wakizachi. Assim pretendi atacar a maga, caindo sobre ela dando uma sequencia de cortes. Mas para minha surpresa, a maga faz uma espécie tsunami com seu cabelo. Tentei cortar maior parte de suas mexas, mas foi em vão, e novamente fui jogada contra a terra.
Para meu azar, cai logo onde as mexas antes presas a terra estavam, e logo as mesmas terminaram por agarrar meus pés, foi inevitável. Apenas vi tudo girar de ponta a cabeça.
Vendo minha situação, eu não poderia deixar aquilo continuar. Segurei fortemente minhas espadas e exclamei:
── Ahhh!
Um barulho de lâminas é ouvido pairando sobre o ar. Dei um giro em meu próprio eixo dilacerando aquelas mexas. O golpe dera certo. Porém, a maga se sentiu ofendida e disse:
── Arg! Garota insolente. Vou acabar com você agora mesmo. Chega de brincar!
A mulher parece reunir uma grande quantidade de poder, seus cabelos começam a formar uma grande onda, muito maior do que a de antes. Em seguida ela lança aquela enorme onda.
Fui acertada em cheio, e quando recuperei meus sentidos, estava presa pelos pulsos e pelos calcanhares. Comecei a me contorcer, mas de nada adiantava. Os olhos da maga brilhavam, e ela, com um sarcástico sorriso disse:
── Morra!!!
Uma nova mexa se formava, e com ela uma ponta em espiral se aproximava de meu peito em alta velocidade. Eu não poderia aceitar isso, não poderia...
── Ahhhh!!! ──  Gritei.
Minhas espadas: Katana, Wakizachi, e O tanto; começaram a se mexer. E no último segundo, me senti solta, e apenas vi aquele mar ser gradualmente dilacerado por minhas espadas.
── Magia? ── Indaguei confusa.
Em seguida direcionei minha palma para a mulher, e uma força se despertando, era meu poder mágico. Depois, a maga morreu.

Equipamento:
Nome: Ōzora no Ken ( 剣の大空から )
Descrição: Tess guarda consigo um conjunto de três espadas japonesas, denominadas Ōzora no Ken, ou "As espadas do firmamento". As espadas dispõem deste nome pela incrível capacidade de corte de suas lâminas, aptas a facilmente cortar de um objeto rígido à um membro humano com seu simples descer.
O conjunto é integrado por três tipos diferentes, porém similares, de espadas japonesas: Katana, Wakizachi, O tanto; as quais adotam respectivamente os nomes de: Sora, o Céu ( 空 ); Tsuchi, a Terra ( 土地 ); e Jigoku , o Inferno ( 地獄 ).
As três espadas possuem uma beleza sublime que se contrasta com seu incrível poder em massa de destruição, principalmente quando usadas por um exímio espadachim. Ambas obtêm o mesmo modelo: cabo prateado atado por uma faixa negra trançada, bainha negra e fosca possuindo os três kanjis dos respectivos nomes em dourado e uma faixa negra amarrada na mesma, lâmina prateada e reluzente bem afiada, sua guarda é prateada e tem o nome do conjunto gravado em kanjis. Ao todo, as espadas são idênticas, mudando apenas seus tamanhos, Sora: um metro; Tsuchi: oitenta centímetros; e Tsuji: cinquenta centímetros.



Thanks Tess
avatar
Tess'
Rank D
Rank D

Mensagens : 20
Data de inscrição : 11/10/2014

Ficha do personagem
HP:
90/90  (90/90)
MP:
260/260  (260/260)
Velocidade: 20 m/s

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Telekinesis em Espada {Tess Atalla}

Mensagem por Scarra em Seg Out 13, 2014 9:31 pm

App

_________________
Eu shippo Scain ♥️ :
avatar
Scarra
Mestra de Guilda
Mestra de Guilda

Mensagens : 318
Data de inscrição : 29/03/2014
Idade : 18
Localização : Mundo dos nuggets

Ficha do personagem
HP:
1500/1500  (1500/1500)
MP:
4650/4650  (4650/4650)
Velocidade: 55 m/s

Ver perfil do usuário http://fairytaillegend.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum