~~( Cain Missions )~~

Ir em baixo

~~( Cain Missions )~~

Mensagem por Cain em Qua Dez 17, 2014 2:44 am

Spoiler:
Nome: A fera desconhecida
Rank: A
Descrição: Uma criatura tem destruído várias partes das florestas em toda a Fiore, mas evidências mostram que essa criatura nunca tocou o solo para fazer essa bagunça toda que dizem, e por ela estar chegando cada vez mais perto de vilarejos habitados, o conselho mágico pediu para que uma guilda oficial mande alguém investigar o que está acontecendo, pois esse rastro de destruição está preocupando a todos. Muitos suspeitam que seja um demônio, um anjo caído ou um dragão, não tem certeza, só sabem que o ser voa e mexe com Fogo e Água, então é bom o mago ter cuidado.
Recompensa: 8.000,00 Jewels



Imagination
---




Já fazia tempo que eu não procurava uma missão, digo, eu nunca fiz uma em nome da Fairy Tail, mas lembro-me bem de muitas das minhas missões como andarilho e nunca me dei muito mal, e como haviam ainda poucas pessoas para eu cuidar na guilda, deixei Chip e um Poi encarregados de cuidar de tudo e fui tentar a sorte em algumas missões que eu havia encontrado em meio as várias que eu havia separado para colocar no quadro da nossa guilda. A primeira missão em especial se tratava de caçar uma criatura misteriosa que estava cada vez mais perto das cidades, pelo jeito só aparecia quando estava mais escuro, já que ninguém nunca conseguiu ver mais que uma sombra dessa fera, mas já era suspeito de ser algo bem grande, então teria que cuidar disso urgente, ou vidas estariam em perigo.

Queria ter uma carona mais rápida, mas eu não tinha muita coisa ainda para me levar rápido o suficiente até o último local que havia acontecido esses incidentes, então eu aceitei a primeira caravana que eu via que passaria próximo de um certo vilarejo, o próximo lugar que era dito o próximo alvo da fera. Claro que eu não contei para ninguém sobre minha missão pois não queria deixar ninguém preocupado, só falei que estava indo à passeio, e então segui com eles.

Não demorou para que eu chegasse no vilarejo com eles o caminho foi bem tranquilo e nem mesmo choveu, mas o melhor mesmo foi ver o lugar quando chegamos. Era um lugar bem grande mas também bem modesto, ótimo de se viver e mesmo de passear, e se eu estivesse certo, não durariam muito se a fera começasse à atacar logo, então logo me despedi dos amigos que eu fiz na caravana e comecei à andar pela floresta, procurando o último local do ataque. E não foi incomodo algum passar o dia todo mexendo no mato pois até que eu tinha bastante alimento comigo, mas também não achei pistas grandes o bastante para me darem o paradeiro da criatura como eu bem queria. É, eu realmente estava pensando que ir atrás dela antes de ela vir atrás do próximo lugar para atacar era a melhor escolha para evitar muitas mortes, mas não pareceu ser uma ideia tão boa pois só foi uma perda de tempo... Tudo bem, pelo menos eu aproveitei um tempo bem fresco.

Mas com o fim da tarde, logo voltei para os arredores do vilarejo e fiquei vigiando ele o tempo todo pelo que restava do dia, e consegui resistir bem até um pouco depois também, mas já não dava mais quando chegou as 3 da manhã, era muito perigoso ficar com sono no alto da árvore mais alta próxima da cidade. Então fiz um Poi e o deixei no topo da árvore, grudado nos galhos para ver o que podia chegar, enquanto eu fui para a base da mesma árvore dormir um pouco em uma cama que eu imaginei ali. E ainda assim, não deu nada.

O dia seguinte chegou e quando subi na árvore para ver o Poi, ele estava dormindo, mas a vila estava inteira então fera alguma tinha aparecido, mas eu não desisti. Se estava dito que esse seria um local atacado então eu não sairia dali, por isso praticamente armei uma barraca para ficar naquela ponta da floresta que era antes do vilarejo, só para ficar de olho o tempo todo nas coisas, e por mais três dias mantive a vigia, eu e o Poi que eu havia criado. Até que, quando finalmente chegou a noite do quarto dia, ouvimos a criatura.

Ela estava bem distante, dava para saber disso pois a fumaça indicava isso, mas restava muito pouco para ela chegar aqui, talvez alguns quilômetros apenas, então eu tratei de correr até a fera. Em parte estava louco para acabar com ela antes que matasse algum inocente, mas outra parte minha estava ansiosa para saber o que aquilo era, e acho que ambas as partes ficaram felizes quando encontrei... aquilo. A fera era incrível, parecia uma mistura de águia gigante com leão  e anjo, porque aquilo tinha pelos, penas, bico, garras e ao mesmo tempo tinha várias asas, pareciam até serem mais de quatro pares de asas, parecia até ter nascido de uma experiência ou coisa do tipo, e era bela de uma certa forma, mas... ao mesmo tempo estranha ao cuspir fogo pelo bico, e estava indo em direção ao vilarejo então eu não podia demorar.

Primeiro eu criei minhas Fire Glove's, e quando tive a oportunidade eu pulei nas costas da quimera ao aproveitar que estava no topo de uma árvore próxima, e então começamos à batalhar assim que chamei sua atenção ao fincar minha espada retrátil nas suas costas. Ela estava tentando me jogar longe com o vento das suas asas, e teria conseguido se não estivesse segurando bem firme na minha espada, descendo pelas costas dele ao deslizar aquela lâmina afiada pelas suas costas, abrindo-o aos poucos e arrancando muito sangue. Mas logo ela me pegou com sua língua enorme e me jogou para frente quando teve a chance, me deixando sem a minha arma básica... Bem, foi pior ainda encarar a fera olho no olho, pois logo ela veio para cima de mim e não se segurou, sem falar que o fato de eu parecer uma formiga perto dela era mesmo um saco... Mas é claro que eu corri, quando ela começou à tentar me pegar com aquelas suas garras enormes.

Talvez aquela fosse a primeira vez que ela tocasse o solo, mas estava fazendo um belo estrago... Mas ao ver que não conseguia me atingir com as mãos, logo partiu para suas outras armas, e começou à cuspir fogo em mim quase que imediatamente, e eu acabei tendo que defender fogo com fogo, ao usar minhas luvas para criar uma barreira de fogo imensa que consumiu todo o ar em volta do fogo da rajada da quimera, deixando ambos sem oxigênio e cancelando os dois. Em seguida tentou atacar-me com água, e aí foi o momento de contra-atacar, pois fiz desaparecer as minhas luvas e em seguida a Daiguren Hyourinmaru entrou em cena. Com essa minha katana especial, fazia a água que ela cuspia em mim virar gelo, e assim acabei por tampar a sua boca, fazendo-a engasgar, e assim nem conseguia cuspir mais. E quando ela veio me atacar mais uma vez com as suas patas, cortei seus tendões ao desviar dos ataques e deslizar por debaixo dela em uma pista de gelo, facilitando meus movimentos ágeis.

Aquilo acabou quando a fera se desesperou e me atacou com tudo com o que lhe restava: a cabeça, me obrigando à atacá-la por baixo, ao enfiar a Hyourinmaru no chão e usar a humidade do solo para criar um iceberg enorme e cheio de pontas, atravessando a cabeça da criatura e rasgando-a até o pescoço, com a força do peso do próprio corpo que ela havia jogado para cima de mim na tentativa de me matar com a bicada.

Tive sorte de ser já bem treinado, ou talvez não tivesse saído tão bem daquela batalha... Bem, ainda assim eu estava meio cansado por tudo o que houve, então fui até o corpo da criatura, fiz um Poi bem grande para eu sentar em cima e me recuperar enquanto ele carregava o corpo da fera com sua boca, arrastando-o pelas asas até o vilarejo, mostrando-os que estavam seguros agora. Pela primeira vez senti orgulho de estar mostrando o que era a Fairy Tail, e nem era para magos! Então, depois que fiquei mais uma noite da cidade, parti na manhã seguinte para a próxima missão, aproveitando que ainda era cedo e eu estava com o pique todo para as missões.



Sweeet Nightmare for MDD

_________________
Pet's: Chip e Carla

Falas: Cain - Chip - Carla
Eu shippo Scain ♥️:

Eu shippo seny:
avatar
Cain
Mestre de Guilda
Mestre de Guilda

Mensagens : 129
Data de inscrição : 14/12/2014

Ficha do personagem
HP:
2000/2000  (2000/2000)
MP:
5150/5150  (5150/5150)
Velocidade: 60 m/s

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ~~( Cain Missions )~~

Mensagem por Cain em Qua Dez 17, 2014 3:56 am

Spoiler:
Nome: Ladrão
Rank: A
Descrição: Recentemente um laboratório foi roubado, e não levaram qualquer coisa, mas um experimento em especial que tem muito à ver com dragões. O experimento envolvia transformar qualquer cidadão em um dragão, assim qualquer um iria poder enfrentar essas ameaças caso um dia surjam outra vez, e isso envolvia mexer com o DNA contido em uma escama de um dragão falecido, o que é ainda mais perigoso. Um mago de uma dark guild foi o responsável pelo roubo, pistas dizem que ele está acampando perto do local do crime e continua procurando a sua guilda móvel para entregar os frutos de seu trabalho sujo, então ainda há tempo de encontrá-lo, mas deve ser feito rápido. O mago sabe usar Darkness Magic, e não podemos esquecer de destruir a escama que for encontrada com ele, pois assim ela não mais irá cair em mãos erradas.
Recompensa: 8.000,00 Jewels



Imagination
---




Olhando no papel da próxima missão da lista, pude ver que se trava sobre uma coisa bem preocupante: dragões. Não era exatamente sobre eles, mas os envolvia de alguma forma, então eu corri para ir até o lugar que haviam deixado escrito para irmos, o local do crime: o laboratório. E não foi difícil chegar lá, ficava bem no meio de Crocus e eu já estava próximo depois que matei aquela criatura, então eu fui com pressa, mas sem preocupação de me atrasar. Chegando lá eu os vi ainda bem abalados, o local estava fechado com aquelas fitas amarelas das autoridades, então pelo jeito a cena do crime estava intacta, perfeita para eu analisar.

- Olá gente, a Fairy Tail chegou! -os cumprimento com um sorriso no rosto assim que chego, mas eles pareciam mal humorados demais para falar algo gentil, então nem forcei a barra- Bom... e aí, fora o que está no folheto, tem mais algo que queiram me dizer? -eu lhes pergunto, mas a maioria se levanta e sai da sala, deixando só o mais velho no local- Meu jovem... -o velho parecia se esforçar para não me bater, talvez eu tivesse falado alguma besteira ou algo assim, pois ele estava ainda muito bravo com algo- O maldito que você está procurando não deixou muitas pistas, mas temos visto alguns sinais de fumaça da janela da nossa torre leste desde a noite do roubo, à dois dias atrás. É só o que temos... -o homem falou meio zangado ainda, e pelo cheiro ele não tomava banho à um tempo também, então mantive um pouco de distância- Poderia ir logo? Nós fomos proibidos de sair das instalações até isso estar resolvido. -tá, explicado porque estava tão sujo...

Bom, ouvindo aquilo eu nem pensei duas vezes, fiz um sinal de positivo com a cabeça e não demorei para procurar o cara pelas redondezas do lugar, e pelo jeito não seria difícil. Seguindo a direção que o velho falava que a fumaça surgia à cada noite, parecia que ele estava seguindo bem devagar em direção ao leste, por algum motivo estava sendo atrasado ou... não sei, nem faz bem ficar só pensando, podia me atrapalhar, então comecei à correr. Corria e corria o mais rápido que eu podia pela floresta, mas também acabei me cansando e parei um pouco, resolvi imitar o sujeito e acampei depois de já ter corrido alguns quilômetros para a direção que ele estava seguindo. Imaginei tudo, minha barraca, alguns pães e até o isqueiro para a fogueira, mas não vi nenhum sinal do cara e acabei dormindo.

No dia seguinte eu acordei bem cedo por não ter imaginado um colchão mais confortável para eu descansar, com dor nas costas e uma preguiça enorme, mas acabei me arrastando mais alguns quilômetros, até que cheguei em uma pista do cara, a primeira que encontrei. Era uma fogueira, e ela parecia ter sido desfeita à mais ou menos uma hora, no máximo duas, então percebi que estava próximo de meu objetivo, por isso apertei mais o passo. Não consegui alcançá-lo mesmo correndo ao máximo depois de descansar, aquela tarde toda estava perdida, mas quando a noite caiu e eu finalmente vi um sinal de fumaça estranho, soube que era a chance que eu esperava... Ele havia parado para montar o acampamento e fazer a fogueira, então eu teria vantagem agora.

Assim que o encontrei, fiquei escondido atrás da mata primeiro, esperei ele se arrumar todo para ir dormir e então invoquei a Daiguren Hyourinmaru, cortando ao meio a sua cabana com a minha katana mágica e afiada- Acabou sua besta, você foi abandonado pelos seus companheiros e não soube cobrir seus rastros, é o seu fim! -falei bem sério, e logo o ataquei com a katana, mas ele molda uma espada de sombras com a sua magia e se defende, olhando para mim de perto agora- Rastros? Idiota, a fumaça que eu estava fazendo era para eles me encontrarem! -vociferou, e então me chutou bem forte no estômago, me jogando alguns metros para trás, e lhe dando tempo para preparar uma magia enquanto eu me levantava- E não irá demorar para eles chegarem, você vai ver! A nossa base só acabou sendo atacada por uma guilda rival... -comentou, claramente furioso com aquela situação, quase encurralado.

Mas eu nem lhe respondi, só parti para cima dele mais uma vez, criando gelo agora para defender-me dos fantasmas que ele havia mandado contra o meu rosto, e então tentei cortá-lo mais uma vez, de baixo para cima agora, só que ele mais uma vez se defende- Hoho, Fairy Tail é? Nem sabia que essa guilda inútil tinha voltado... Bom saber, assim logo podemos deixar a base de vocês vazia de novo! -ele debochava, mas eu não me desconcentrei. Com aquela provocação eu até cedi um pouco a minha raiva, chutei ele bem no meio das pernas e lhe dei uma cotovelada no rosto logo em seguida, fazendo-o cair para trás- Ninguém ameaça a Fairy Tail assim e sai impune... não diante do mestre dela... -digo, rodando a Hyourinmaru na minha mão direita, e preparando um ataque de gelo enquanto via o mago à minha frente encher-se de medo- Me-Mestre? Vo-Você é mestre de uma guilda oficial? -ele gaguejou, e pareceu ficar mais assustado que nunca, pois em uma tentativa desesperada ele tentou fazer uma sombra lhe lançar para outra direção, parecia ter sido um fantasma mas nem liguei... Pois meu alvo mesmo era o Dark Mage.

Aproveitando que estava com um ataque preparado com a minha katana, eu o lancei na direção do fujão, e consegui acertá-lo com o anel de gelo, levando-o à se chocar contra o solo com um bloco de gelo em volta de seu peito, e só para garantir eu ainda lancei outros quatro anéis de gelo no resto do seu corpo, impedindo o restante de seu corpo de se mover também. E assim que ele estava imobilizado, finalizei-o com um chute na cabeça, fazendo ele desmaiar para que não pudesse nem pensar em como fugir dali. Parti então para a escama, que estava bem frágil já devido ao que fora exposta, então ao contrário do que eu pensava, não foi difícil quebrá-la como havia sido ordenado. Só tive que usar minha Hyourinmaru e muito de seu gelo, mas consegui destruí-la, e ainda deixei uma bela estátua de gelo no lugar- Idiota capturado, escama destruída... é, acho que está tudo pronto. -digo, quase como uma anotação mental para eu mesmo.

Enfim, eu me dou ao trabalho de voltar sim com o preso sob custódia para o laboratório, mas valeu bem à pena arrastá-lo e desmaiá-lo o tempo todo no caminho sempre que acordava, pois os cientistas ficaram tão felizes com o meu retorno que eles até me deram carona para a minha próxima missão. Realmente, estava adorando aquilo.



Sweeet Nightmare for MDD


Última edição por Cain em Qua Dez 17, 2014 5:09 am, editado 2 vez(es)

_________________
Pet's: Chip e Carla

Falas: Cain - Chip - Carla
Eu shippo Scain ♥️:

Eu shippo seny:
avatar
Cain
Mestre de Guilda
Mestre de Guilda

Mensagens : 129
Data de inscrição : 14/12/2014

Ficha do personagem
HP:
2000/2000  (2000/2000)
MP:
5150/5150  (5150/5150)
Velocidade: 60 m/s

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ~~( Cain Missions )~~

Mensagem por Cain em Qua Dez 17, 2014 4:34 am

Spoiler:
Nome: Começo do Fim
Rank: A
Descrição: Durante um desfile, o prefeito de uma cidade bem próxima à nos foi sequestrado por uma Dark Guild em ascenção, e temos informações que planejam fazer o mesmo com todos os líderes de Fiore para formar uma nova ordem em todo o continente, por nós estarmos mais próximos do último local em que foram vistos, o conselho nos pediu ajuda antes que a situação piore. Nosso trabalho é, rastrear, caçar e inutilizar esses magos, fazer tudo o que é preciso para que possamos resgatar ao prefeito e, óbvio, desmantelar os planos da Dark Guild. Não se tem muita informação sobre os membros dessa Dark Guild, mas sabe-se que eles são bem fortes.
Recompensa: 8.000,00 Jewels



Imagination
---




Não tem nenhum contra em ir de carona para uma missão, é sério! Se aquele velho cheirava mal? Se ele falava muito? Se ouvia música alto demais? Não me importava, pois eu pude dormir o caminho inteiro até chegar no nosso destino, e foi bom pois eu precisava mesmo dessas 14 horas de sono. Quando eu acordei parecia até que tinha sido ligado na tomada, pois até estava rindo do velho mal humorado, eu até o abracei antes de ir, e nem liguei para as palavras mal educadas que ele disse depois, já que eu estava progredindo bastante naquela viagem.

O local do próximo trabalho que eu era requisitado era a prefeitura de uma cidade distante, parecia ter acontecido um sequestro, era simples e direto até, mas não encontrei nenhuma pista com as pessoas que eu conversei quando cheguei no lugar, já que aparentemente ninguém viu o que havia acontecido, era muita fumaça e luz para qualquer um enxergar. Enfim, fui até o local do crime e não achei muita coisa, havia quase nada no lugar, então nem pude seguir linha alguma, então só pude fazer o que era mais cruel, infelizmente... segui os planos da tal Dark Guild. Como? Bem simples: fui até a cidade mais próxima que tivesse ainda um líder declarado e esperei, não tinha muito mais o que fazer, então eu esperei para ver se tentariam alguma coisa contra o prefeito dessa cidade.

Fiquei no telhado da prefeitura por algumas horas sem ninguém perceber, até que ouço de alguns seguranças que em outra cidade outro líder havia sido capturado, mas eu não podia fazer nada, então continuei esperando. Quando a noite caiu eu ainda criei binóculos e até pequenos telescópios para ver em longas distâncias, mas nada de algum sinal... até que finalmente encontro alguém, uma mulher careca e com pele rosada. Nem pensei nos detalhes, e ela havia acabado de quebrar a janela, então nem parei para pensar. Criei um Poi enorme logo à frente dela e pulei em cima dele para não sofrer qualquer dano, sacando minha espada logo que fiquei em pé à frente dela e o prefeito amarrado.

- Fique tranquilo senhor, vou te ajudar assim que acabar com ela... -prometi, brandindo minha espada enquanto a via se preparar também, sacando suas tonfas- Droga, mas não tem guilda oficial nessa cidade! -ela reclamou, e então veio me atacar, mas imediatamente giro e bato na cabeça dela com a base do punho da minha espada, sem matá-la, só machucando um pouco. Ela tenta fugir em seguida por perceber o quanto sou rápido, mas consigo ser rápido o bastante para andar o Poi rolar por cima dela, e a prende por ter tanto peso, é óbvio- Relaxa que eu não vou te matar, só quero lhe interrogar... -digo, e então retraio a minha espada, fazendo ela se tornar uma adaga.

A interrogação foi rápida, só tive que fazer o Poi se sentar com mais força em cima dela e aos poucos ela foi falando, mais ainda conforme a força aumentava, e então quando eu consegui que ela me falasse exatamente aonde era a guilda, falei para o prefeito avisar ao conselho mágico aonde estava indo, e então eu fui. Deixei primeiro o Poi gigante me curar é claro, e então fui com força total para a base da Dark Guild.

Ficava bem longe dali, mas usando a moto da mulher que tentara raptar ao prefeito eu não demorei mais que algumas horas, e então discretamente fui me esgueirando pelo lado de fora do lugar, procurando a maior sala com janelas, procurando ao líder do lugar. E assim que o acho eu não demoro, explodo a sua janela com as chamas das Fire Glove's, surpreendendo-o com aquela entrada- É o mestre disso aqui? -eu pergunto, mas ele até ri das minhas palavras, assumindo uma forma monstruosa de um homem-réptil, aparentemente um Take Over- Nem sabe aonde está se metendo... não é garoto? Sim, eu sou o mestre dessa guilda em ascenção! Posso estar fraco ainda, mas estou forte o bastante para acabar com você... -disse com a sua voz mudada, parecendo uma fera mesmo, e logo me atacou. Me defendi trocando as Fire Glove's pela Hyourinmaru logo, mas mesmo ela coberta de gelo era difícil de suportar aqueles ataques da fera, me arrastando para trás.

Me arrastou tanto que acabou me jogando pela janela, mas tive a sorte de ser seguido por ele, então quando ele pulou na minha direção eu pude preparar para cobrir minha espada com bastante gelo, bem leve mas ao mesmo tempo bem resistente, formando uma espada de mais ou menos seis metros de comprimento, e assim pude manter a luta à uma boa distância- Juro que se fossem uma guilda ilegal só caçando dark mages por aí eu nem me importaria, sério mesmo... estariam fazendo um bem ao mundo, mas... Caçar os líderes de Fiore? -disse com certo deboche em minhas palavras, de propósito para irritá-lo e abrir a sua guarda com isso. E consegui, pois assim que ele levantou os braços para me atacar, fui por baixo dele e criei uma onda de gelo contra ele, jogando-lhe contra a parede e prendendo-o momentaneamente. Digo isso pois logo ele começou à fazer força para tentar quebrar o gelo que estava lhe prendendo, e eu já podia ouvir os estalos- Parado aí seu Godzilla mal feito! -digo, e então desfaço o gelo em volta da minha espada para criar estacas de gelo que perfuram os braços e pernas do cara, impedindo- de se mover sem dor.

Isso foi o bastante para pará-lo, ainda bem, e para a minha sorte a maioria de seus seguidores se entregaram quando saíram do prédio da guilda para ver o que estava acontecendo, mas ainda haviam os corajosos, com quem eu tive que lutar... Muitos tinham magias de raio, água ou mesmo outros Take Overs, mas até que consegui vencer. Me machuquei bastante no processo, mas deu tudo certo... Assim que estavam todos presos no gelo, fui até o interior do prédio e libertei os prefeitos, e... nem preciso dizer que não demorou nada para sairmos dali quando eles passaram mensagens para suas respectivas cidades, certo?

E para a minha sorte, um deles iria para o lugar de minha próxima missão, então eu iria aproveitar de mais uma carona!



Sweeet Nightmare for MDD


Última edição por Cain em Qua Dez 17, 2014 5:09 am, editado 1 vez(es)

_________________
Pet's: Chip e Carla

Falas: Cain - Chip - Carla
Eu shippo Scain ♥️:

Eu shippo seny:
avatar
Cain
Mestre de Guilda
Mestre de Guilda

Mensagens : 129
Data de inscrição : 14/12/2014

Ficha do personagem
HP:
2000/2000  (2000/2000)
MP:
5150/5150  (5150/5150)
Velocidade: 60 m/s

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ~~( Cain Missions )~~

Mensagem por Cain em Qua Dez 17, 2014 5:07 am

Spoiler:
Nome: Em nome do amor
Rank: A
Descrição: Uma pessoa muito rica e importante de Fiore está querendo mandar uma encomenda especial para sua pessoa amada, mas esse objeto que tem que ser entregue é valioso e poderoso demais para ele simplesmente andar com isso por aí, ou mesmo confiar em qualquer um para levá-lo até a casa de sua namorada. Por isso (e por ter tanto dinheiro que nós não conseguimos recusar) ele confiou em nossa guilda para levar esse objeto especial, um presente que representa todo o amor dele para esse seu par em especial. Nosso trabalho é simples, pegar com esse nosso cliente importante o embrulho e levarmos em segurança e sem danos até a pessoa que ele quer presentear, o importante é lembrar que não devemos deixar ninguém roubar ou danificar o presente, e é claro, ninguém pode olhar dentro do embrulho além da pessoa que nosso cliente deseja.
Recompensa: 8.000,00 Jewels



Imagination
---




Depois daquela última missão, fiquei feliz de ver que minhas duas últimas missões não tinham à ver com dark guilds, finalmente poderia ser um pouco mais leve com relação às outras que tive que enfrentar nos últimos dias, então segui sem pressa para o local dessa próxima missão. Até mesmo ajudei o prefeito e seus empregados quando foram parando algumas vezes para reabastecer ou comprar algumas coisas que o velho estava querendo. Mas fiquei muito feliz quando finalmente chegamos no nosso objetivo!

A cidade-cassino! Lugar aonde várias pessoas iam para torrar suas economias enquanto se divertem, bebem e etc... Nada disso me importava, até porque eu nem tenho tanto dinheiro assim, então me mantive na minha ao chegar, só segui para a maior e aparentemente mais cara casa de jogos da cidade. Não iria jogar é claro, só que, o cliente desta vez era dono da maioria das casas de jogos, hotéis e até mesmo casas que haviam na cidade e em alguns outros lugares de Fiore, então fui com cautela quando cheguei no seu prédio. Passar pela recepção do cassino foi fácil, entrei como convidado e sem fichas, mas quando tentei ir para a administração eu tive que mostrar a minha tatuagem da Fairy Tail e o papel da missão que havia pego para poder passar, além de esperar a confirmação do chefe para eu poder subir até o seu andar particular.

Bom, chegando no seu andar, e deparei com aquele maldito gordo tomando banho de sol na varanda, e felizmente ele não reclamou quando eu cobri os olhos, porque... nossa, era terrível como aquele cara era feio... mas ele iria me pagar, então fiquei quieto- Finalmente chegou ein? Achei que teria que mandar minha futura mulher vir aqui pessoalmente para pegar o presente... -o cara reclamou, enquanto se levantava e começava à andar em direção ao seu quarto. Infelizmente ele nem se deu ao trabalho de cobrir seu corpo com uma toalha, se sentia à vontade demais ali- Então, sabe dos detalhes né? Não pode ver o que tem na caixa! E saberei se você ver pois tem um lacre especial nela, então nada de bancar o espertinho... -ele me ordenou, e... eu só sorri sem graça e continuei lhe ouvindo- Então, o ex-marido dela sabe que ela vai receber um presente à qualquer momento, e ele é um cara muito nervoso com o nosso relacionamento, então tome cuidado... -ele me avisou, enquanto abria seu cofre e me entregava uma simples caixa rosada. E eu nem falei muito depois disso- Certo! -fui direto, e assim saí rápido do lugar e fui para o endereço que estava na tampa da caixa.

Não era tão longe assim, de cavalo (emprestado, óbvio) eu iria conseguir chegar rápido, então não me preocupei muito com a distância, só fiz uma mochila para colocar a caixa e montei no cavalo, partindo para a cidade da moça. Realmente, eu pensei o caminho todo que essa missão simples talvez nem fosse perigosa, só se tratava de satisfazer os caprichos de um homem rico demais que estava disposto à pagar alto por fazerem algo bem feito para ele, mas... sério, eu não podia estar mais enganado. Digo, seria bem tranquilo se não fosse aquele psicopata que eu encontrei quando estava já a dois quilômetros da casa da mulher.

- Você é o maldito que está indo entregar o presente do meu irmão né? Posso ver a marca do cassino dele marcada no cavalo! -diz um maluco com asas no lugar dos braços me acompanhando, e... caramba, além do susto que aquilo me rendeu, ainda me deu uma decepção maior ainda quando percebi que um irmão havia roubado a mulher do outro... Isso foi golpe baixo, mas me distraiu o bastante para poder cair do cavalo enquanto pensava nisso, literalmente. Pois logo o cara faz surgir de seus pés uma moto, que bate com meu cavalo e me joga no chão rolando para o lado, me machucando bastante só com aquele começo- Vou destruir as chances do meu irmão com a minha amada, e farei o mesmo contigo seu idiota! -o cara disse (e pior é que ele era bem mais cuidado que o gordo que havia me contratado, não entendi ainda a troca que a mulher fez né, mas...),  e então montou em sua moto, trocou suas asas por patas de tigre e veio com tudo na minha direção, usando sua alta velocidade para abrir ferimentos feios em mim.

Sentia as garras perfurarem a minha pele e me rasgarem, arrancando sangue dos meus braços, pernas e até rosto, mas quando ele rasga a minha mochila eu me lembro em um flash o que havia lido na missão: não deixar o presente ser danificado, então eu permito-me ser atingido mais uma vez, na perna, para poder me jogar no chão e pegar o presente, impedindo-o de quebrar- Cara, já acho errado amigo dar em cima de mulher de amigo, irmão furando olho de irmão então... olha, me desculpa mas vou ter que fazer isso... -lhe peço, e então quando ele vem outra vez em minha direção, invoco as minhas Fire Glove's e em um estalar de dedos eu explodo a moto dele, ao fazer as chamas se infiltrarem no tanque dele, e o jogando fumegando para longe. Para a minha sorte eu vi que ele até reclamava quando pousou, então estava muito machucado mas não ferido, por isso eu só continuei e corri mais alguns quilômetros para entregar o presente.

Apesar da curiosidade me matar, eu nem espiei, juro! Mas a mulher (que conseguia ser mais feia que o gordo... meu Deus..) pareceu ficar impressionada, então deve ter sido algo grande mesmo, mas... Nah! Hora de ir e encerrar, então parti logo para a próxima missão, a última.



Sweeet Nightmare for MDD

_________________
Pet's: Chip e Carla

Falas: Cain - Chip - Carla
Eu shippo Scain ♥️:

Eu shippo seny:
avatar
Cain
Mestre de Guilda
Mestre de Guilda

Mensagens : 129
Data de inscrição : 14/12/2014

Ficha do personagem
HP:
2000/2000  (2000/2000)
MP:
5150/5150  (5150/5150)
Velocidade: 60 m/s

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ~~( Cain Missions )~~

Mensagem por Cain em Qua Dez 17, 2014 5:39 am

Spoiler:
Nome: O Abominável Homem das Neves
Rank: A
Descrição: No lado mais frio de Fiore, em um vilarejo bem pacato e sem nenhum mago, existe uma criatura que tem aterrorizado à todos ali, além de ter roubado várias comidas, livros, camas e até fogões para ele. A criatura é enorme, com pelos brancos e com dentes/garras tão afiados como espadas, mas não sabem muito da besta pois nunca tiveram coragem de encará-la por mais que alguns segundos, então só se sabe que ela é humanóide, e que volta todo final de semana para roubar os cidadãos. A fera mora em algum lugar das montanhas, então é melhor tomar cuidado, pois dizem que ele nunca descansa...
Recompensa: 8.000,00 Jewels



Imagination
---




Enfim eu podia ver uma luz no fim do túnel, a última missão que estava na minha lista. E pelo jeito ficara em um lugar bem distante e frio em Fiore, então eu me agasalhei bem para ir até lá. Fui tranquilo até chegar na região fria com o cavalo, e assim que ficou frio demais, fiz agasalhos para mim e para o meu amiguinho que havia sido emprestado do gordo rico que havia conhecido antes, mas chegou um ponto que tive que continuar sozinho, então aproveitei para ir descendo pelas colinas cheias de neve, aproveitando que não chegava à nevar ainda e só fazia frio, sem ventos fortes também. E quando enfim cheguei ao vilarejo pacato eu até senti uma leve pontada de inveja deles, pois pareciam tão felizes mesmo com esse clima que me alegrava chegar no hotel e ver aquela gente toda reunida em volta de uma fogueira contando história aos mais novos, era um costume muito legal.

Pareciam ser bem das antigas mesmo em como suas casas eram feitas, já que eram todas de madeira e nem um pouco sofisticadas, mas não me senti ruim com isso, adorei foi é me sentar em uma cabana de madeira e pedras com uma fogueira no meio para nos aquecermos durante a noite, foi tão legal que só de saberem que estou para ajudar a cidade eles não me cobraram pela estadia de uma noite. Aliás, falando nisso... eles ficaram tristes quando eu falei da missão, pois a criatura ainda ontem assombrava eles, parecia até ser uma maldição, e... tudo bem que isso praticamente cortou o nosso clima, mas só de saber que aquela gente boa precisava de ajuda eu só consegui me focar inteiramente na missão, então até que ajudou.

Na manhã seguinte eu acordei mais cedo que todos, e era já sábado, então era hoje que a fera apareceria para roubar as coisas deles, por isso preparei algumas emboscadas. Aproveitando que o vilarejo era cercado, fiz alguns Poi bem grandes se enterrarem debaixo da neve (com saídas de ar para respirarem, óbvio) e esperarem pela fera poucos minutos antes do anoitecer, quando a fera costumava chegar. Mas bem antes disso também fiz com que limpassem um pouco da neve em uma área para eu poder lutar sem tropeçar, afinal de contas não estava acostumado com terrenos assim... e enfim estava pronto. Foi só esperar cerca de meia hora que a fera apareceu, atraída como sempre pelo cheiro dos jantares mais deliciosos que costumavam fazer na vila aos fins de semana, como se fosse um costume e... tá, não culpo a fera por sentir tanta atração por aquele cheiro, eu mesmo estava quase pensando em atacá-los (brincadeira), mas logo aproveitei que a fera havia entrado no vilarejo para dar sinal aos meus Poi com a chama das Fire Glove's subindo aos céus, assustando a criatura e ao mesmo tempo cercando-a, quando os quatro Poi gigantes saíram da neve e se colocaram no caminho de saída da criatura. Assim ela não teve escolha além de ficar e me encarar.

Bom, ela parecia mesmo um gorila enorme, branco e com garras e dentes parecendo cristais, mas não me amedrontei apesar de tudo. A criatura vinha até mim pulando, correndo e saltando como se fosse maluca, e aparentava ser muito forte só de sentir o tremor da terra à cada soco da criatura no chão para me provocar, então me preparei. Desviei do seu primeiro ataque e soltei uma chama em seu ombro, que lhe queimou levemente mas também o fez atacar-me de novo por reflexo, com o mesmo braço ferido. Ele me deu uma no ombro tão forte que eu até pensei que havia quebrado, mas não parei para analisar, só tomei distância e fui lançando ondas e mais ondas de fogo na direção da criatura, queimando cada vez mais o seu pelo, mas isso parecia só lhe irritar, então... teria que tentar algo diferente.

Quando ele veio me atacar uma outra vez eu vi que era a chance perfeita, pois suas garras travaram nas pedras que ele atingiu e não conseguia tirá-las de lá, então eu bati ambas as minhas mãos, reuni fogo o suficiente para cobrir o monstro inteiro em chamas e fiz um tornado, poderoso para derreter a neve que estava distante do mesmo e ainda levar algumas pedras para o ar, mas... Infelizmente a criatura furiosa pegou-me ao enfiar suas garras em minha coxa e tentar me puxar para a sua direção, tentando morder minha cabeça para me matar... Mas eu consigo ser rápido o bastante para estalar meus dedos e fazer uma onda de fogo entrar pela boca da fera, e assim atingir tudo em seu interior, fazendo-a desmaiar rapidamente...

Nossa, depois de tirar as garras da fera de mim eu vi aquele sangue todo jorrar e... não sei não, mais um pouco e ele poderia ter me matado, mas ainda bem que estava com meus Poi ali ou nem sei o que aconteceria comigo com tanto sangue saindo de minhas feridas... Bem, eu também não sabia o que eles iriam fazer com a fera que eu derrotei, mas nem me importava também, só queria ir para casa logo e me recuperar daqueles dias cheios de stress... Só esperava que Chip e Poi não tenham colocado fogo na guilda...



Sweeet Nightmare for MDD

_________________
Pet's: Chip e Carla

Falas: Cain - Chip - Carla
Eu shippo Scain ♥️:

Eu shippo seny:
avatar
Cain
Mestre de Guilda
Mestre de Guilda

Mensagens : 129
Data de inscrição : 14/12/2014

Ficha do personagem
HP:
2000/2000  (2000/2000)
MP:
5150/5150  (5150/5150)
Velocidade: 60 m/s

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ~~( Cain Missions )~~

Mensagem por Scarra em Qua Dez 17, 2014 9:38 am

App o-o

_________________
Eu shippo Scain ♥️ :
avatar
Scarra
Mestra de Guilda
Mestra de Guilda

Mensagens : 318
Data de inscrição : 29/03/2014
Idade : 18
Localização : Mundo dos nuggets

Ficha do personagem
HP:
1500/1500  (1500/1500)
MP:
4650/4650  (4650/4650)
Velocidade: 55 m/s

Ver perfil do usuário http://fairytaillegend.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ~~( Cain Missions )~~

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum